Esclarecimento da TFP

"Manifesto-Denúncia: Visita Canônica ou Inquisição farisaica?
Querem destruir a Igreja e isto não podemos permitir!"

Tendo em vista a circulação, em ambientes da Internet, de um texto intitulado “Manifesto-Denúncia: Visita Canônica ou Inquisição farisaica? Querem destruir a Igreja e isto não podemos permitir!”, “assinado” por pessoas que se identificam como “Membros dos Arautos do Evangelho, dissidentes da TFP”, a Sociedade Brasileira de Defesa da Tradição, Família e Propriedade – TFP, representada pela Diretoria empossada em razão de ordem judicial em 2004, e as TFPs co-irmãs, de outros países e que estão em comunhão com a TFP brasileira, vêm esclarecer o que segue:

1 - A direção da TFP desconhece a origem e a identidade dos indivíduos ou grupos que dão suporte ao site Residuum Revertetur (www.residuumrevertetur.com), o qual hospeda o citado “Manifesto”, não se responsabilizando por esse ou qualquer outro conteúdo porventura nele existente, quer já postado, quer os que o sejam doravante.

2 – Por uma cautela talvez até demasiada, a direção da TFP procurou informar-se, junto aos associados e simpatizantes com quem mantém contato regular, e não conseguiu encontrar os autores do tal Manifesto-Denúncia. Percebe-se que, ao “assinarem” com o “dissidentes da TFP”, parecem ter o intuito de assegurar o anonimato.

3- A utilização do nome e símbolos da TFP nesse “Manifesto-Denúncia” foi feita sem autorização da Direção.

4- Antes de concluir, convém ainda destacar que, sendo o saudoso e insigne Professor Plinio Corrêa de Oliveira o Fundador da TFP brasileira e inspirador da constituição de entidades afins nos cinco continentes, sua vida e obra suscitam, ademais, atenção e entusiasmo em âmbitos que ultrapassam em muito as TFPs. Além disso, sua obra intelectual caiu em domínio público, em razão de seu falecimento em 1995, de acordo com a legislação brasileira vigente à época. Por tudo isso, numerosos grupos e iniciativas individuais ocupam-se do mencionado pensador e líder Católico, bem como de seus escritos e pronunciamentos. A esse respeito, a TFP brasileira esclarece que mantém os sites www.tfp.org.br e www.fatima.org.br, nos quais se encontra farto material sobre Dr. Plinio, não tendo esta Entidade relação com nenhum outro site, não se responsabilizando, portanto, pelo conteúdo de endereços de Internet que não sejam os dois referidos.

5- Arautos do Evangelho e as Sociedades de Defesa da Tradição, Família e Propriedade são entidades diferentes. 6- Finalizando, aproveitamos esta oportunidade para reiterar, uma vez mais, nossa total submissão à Cátedra de Pedro, rogando à Virgem de Fátima as mais copiosas graças e bênçãos para nossos associados e simpatizantes, para nosso País e para a Santa Igreja Católica Apostólica Romana.

São Paulo, 22 de Julho de 2017, festa de Santa Maria Madalena

Compartilhe

Baixe o PDF

Baixar