São Vicente de Paulo

São Vicente de Paulo era um homem obstinado no amor de Deus. O zelo com que ele, como hábil diplomata, defendia os interesses da igreja nos altos círculos onde tinha contatos, transformava-se em uma santa sofridão ao tratar dos pobres e necessitados. Queria a grandeza da religião católica, como desejava remediar todos os infortúnios.

Em última análise, movia-o uma firme e extraordinária vontade de ver o bem acessível a todos, porque Deus é o bem. Daí ter-se tornado o mais conhecido vulto de toda a epopeia de caridade dos vinte séculos de civilização cristã.

Plinio Corrêa de Oliveira

Envie-nos um comentário

You might be interested